Fotos de Pessoas com Conjuntivite e Colírios para Tratar

Entre as muitas afecções que comprometem a vida do ser humano, a Conjuntivite é um tipo de inflamação que preocupa, pois causa muito desconforto e ainda pode comprometer as atividades do dia-a-dia da pessoa afetada.

Por isso, vamos aqui, passar algumas informações e também algumas fotos de pessoas com Conjuntivite para que esse tipo de inflamação nos olhos se torne melhor conhecida e todos possam se prevenir com os cuidados necessários.

Fotos, sintomas

Com sintomas que podem ser facilmente percebidos, a conjuntivite que se origina por uma infestação viral, alérgica ou por bactérias apresenta sintomas que podem se manifestar em apenas um olho de cada vez, ou para casos mais complicados nos dois olhos ao mesmo tempo.

Vermelhidão e muita irritação nos olhos, são sintomas muito comuns nas pessoas que estão com Conjuntivite. Sintomas que causam constrangimentos dificultando a visão e comprometendo a vida no dia-a-dia de cada indivíduo.

Dependendo do grau da inflamação, essa, além de apresentar o vermelhidão no olho, que certamente dificulta a visão, também pode apresentar o inchaço na região com a sensação de corpo estranho no olho afetado.

Mais uma entre as fotos de pessoas com Conjuntivite para que possamos entender melhor sobre os sintomas que esse tipo de inflamação nos olhos pode apresentar. Vemos agora que a pálpebra superior se apresenta mais inchada e o olho fica mais no fundo deixando à vista o vermelhidão que é muito característico nesse tipo de inflamação.

A seguir, uma imagem onde a Conjuntivite afetou os dois olhos ao mesmo tempo, uma preocupação ainda maior, quando um tratamento adequado precisa ser buscado com urgência para amenizar os sintomas e permitir que o indivíduo volte a à vida normal.

Na imagem abaixo, temos um exemplo bem característico de uma inflamação na conjuntiva do olho causada por uma infestação bacteriana. Percebe-se que o olho até não está tão vermelho, mas existe a substância amarelada no canto dos olhos que dificulta em muito a visão.

A conjuntivite Bacteriana

A Conjuntivite Bacteriana é um dos problemas mais comuns que pode ocorrer nos olhos. Trata-se de uma infecção ocular que tem como sintomas a coceira, vermelhidão e também a produção de uma substância espessa e amarelada nas vistas que causam além da dificuldade para enxergar, causam uma má impressão para quem observa.

Esse tipo de infecção nos olhos, deve ser combatido com medicamentos antibióticos na forma de pomadas ou mesmo de gotas oftalmológicas que precisam ser recomendadas por um oftalmologista responsável após uma avaliação criteriosa do problema.

Quando se trata de conjuntivite bacteriana, a inflamação costuma durar até duas semanas, mesmo que não seja tratada. Mas quando se busca por um tratamento adequado com medicamentos próprios para esse tipo de inflamação, os sintomas são menos constrangedores e em no máximo 3 ou 4 dias, o problema pode ser resolvido.

A Conjuntivite Viral

A Conjuntivite Viral é uma inflamação no olho causada por vírus geralmente causada pelo Adenovírus ou Herpes. Trata-se de uma inflamação altamente contagiosa e, por isso, mesmo não sendo por vezes, necessário um tratamento, melhor é buscar por orientação médica e combater o mal o mais rápido possível.

Para evitar o contágio para outras pessoas, o conselho é que o indivíduo infectado permaneça em casa, mais isolado de outras pessoas, pois até mesmo por um aperto de mão é possível que aconteça esse contágio uma vez que, ao coçar o olho infectado, o vírus pode se acomodar na pele da mão e com isso, infectar outras pessoas.

Com respeito ao tratamento, esse é feito mais para aliviar os sintomas, uma vez que a inflamação geralmente se cura sozinha e, nesse caso, o médico poderá recomendar um tipo de colírio hidratante ou mesmo as chamadas lágrimas artificiais para combater a coceira, o vermelhidão e a sensação de corpo estranho nos olhos.

Em geral, esse tipo de inflamação nos olhos, não deixa nenhuma sequela, porém é necessário que se busque ajuda médica especializada. Apesar de ser uma inflamação que pode se curar sozinha, existe o risco de complicações.

Além disso, o uso de um colírio errado ou com uma dosagem inadequada, pode sim trazer algum comprometimento para a visão, mesmo depois da inflamação tratada.

Colírios para Conjuntivite

Com respeito aos tipos de colírio indicados para combater a Conjuntivite, esses precisam ser adequados para o tipo de inflamação que está acontecendo, mais um motivo para que se busque por uma orientação médica.

Para uma inflamação causada por reações alérgicas, aconselha-se os colírios com ação anti-alérgica e que também apresentam propriedades anti-histamínicas, o que é muito natural.

quando se trata de uma inflamação causada por bactérias, é necessário um tipo de colírio com ação antibiótica que também precisa ser recomendado pelo médico oftalmologista e o paciente deve ter um cuidado especial no tratamento.

Por fim, quando se trata de um inflamação causada por vírus, o tratamento é feito com colírios com ação lubrificante, apenas para ajudar a amenizar os sintomas uma vez que esse tipo de inflamação costuma desaparecer por conta própria.

  • Opções entre colírio para Conjuntivite Alérgica – Lácrima Plus, Colíliro Moura Brasil, colírio Cetotifeno.
  • Colírio para Conjuntivite Bacteriana – Vixmicina, Tobradex, Dexafenicol,
  • Colírio para Conjuntivite Viral – Lacril, Dunason, Moura Brasil, Refresh.

Além do uso de um colírio adequado ao tipo de inflamação, é importante fazer a higienização dos olhos com soro fisiológico estéril e usar lenços de papel descartáveis para secá-los.

Todo o tratamento deve ser feito com as mãos devidamente higienizadas para evitar a continuidade das inflamações.