Remédio e Antibiótico para Intoxicação Alimentar, Tratamento

Falta de cuidados com os alimentos podem trazer grandes danos para a saúde começando por uma Intoxicação Alimentar que em alguns casos pode ser grave.

Quando não são tomadas as providências necessárias para tratar da intoxicação, a infecção intestinal causada por essa intoxicação, pode evoluir e afetar todo o organismo, com riscos até mesmo de levar o paciente a morte.




Por isso, vamos agora fazer alguns comentários sobre esse risco que crianças e adultos correm com os descuidos na alimentação e também aproveitaremos para citar opções em remédio e antibiótico para intoxicação alimentar que os médicos poderão recomendar nos tratamentos.




O que é

Dá-se o nome de Intoxicação alimentar, a doença causada pela ingestão de alimentos contaminados com micro-organismos prejudiciais ao nosso organismo, como é o caso das bactérias, vírus, parasitas, fungos e alguns componentes tóxicos.

Bactérias como a Salmonella, Shigella, Escherichia Coli e Clostridium são as mais comum quando ocorre essa intoxicação enquanto que entre os vírus, o mais comum é o Rotavírus.

Quais as Causas

Entre as causas mais frequentes para que aconteça uma intoxicação alimentar podemos citar:

  • Ingestão de carne, frango, peixe, ovos contaminados por vírus, fungos ou bactérias,
  • Ingestão de água contaminada,
  • Ingestão de frutos ou legumes em mau estado de conservação, sujeito aos fungos e outros micro-organismos,
  • Manipulação de alimentos – estes podem até serem saudáveis mas se forem manipulados por uma pessoa contaminada, podem ficar contaminados também.
  • Ingestão de alimentos saudáveis, porém com as mãos mau higienizadas.
  • entre outras causas.

Sintomas Apresentados

Os sintomas mais comuns que apontam uma intoxicação alimentar são:

  • Náuseas,
  • Vômitos,
  • Diarreia,
  • Febre,
  • Dor abdominal,
  • Cólicas,
  • Mal estar,
  • Quadros de desidratação com perda de peso e queda da pressão arterial nas situações mais severas.

Tratamento com o Carvão Vegetal

O carvão vegetal ativado é um remédio que absorve as toxinas e químicos no corpo sendo por isso, muito benéfico também para combater a intoxicação alimentar favorecendo a limpeza do intestino diminuindo os gases e a dor abdominal.

Esse produto é encontrado no mercado na forma de cápsulas ou em comprimidos. Porém, apesar dos benefícios que o carvão vegetal oferece para o organismo, seu ponto negativo é que ele impede a absorção das vitaminas pelo intestino e, por isso, é importante ingeri-lo com cuidado e sempre com a recomendação médica.

Outro cuidado que precisamos ter com o carvão vegetal é que ele não deve ser ingerido no mesmo horário que são ingeridos outros medicamentos. Deve-se observar uma diferença de horário de no mínimo 2 horas.



Forma de usar o carvão vegetal – o carvão vegetal deve ser ingerido com água ou com suco natural. Em geral, a recomendação médica é de 1 a 2 cápsulas, 3 a 4 vezes por dia para os adultos, com a dose máxima de 6 comprimidos ou cápsulas ao dia.

Para as crianças, a recomendação é de no máximo 3 cápsulas ou comprimidos ao dia.

Efeitos adversos – quando ingerido de forma exagerada, o uso do carvão ativado pode causar:

  • Escurecimento nas fezes,
  • Vômitos,
  • Diarreia,
  • Prisão de ventre.

Atenção – o uso de carvão vegetal para mulheres grávidas ou mulheres que estão amamentando só pode ser feito mediante a autorização de um médico responsável.

Paracetamol para Dor de cabeça e mal estar

Paracetamol é uma das opções como remédio para tratar da intoxicação alimentar, pois esse medicamento é eficaz no combate a dor de cabeça e mal estar, dois dos sintomas comuns quando ocorre esse tipo de intoxicação.

Substância ativa nesse medicamento – esse medicamento cuja substância ativa é o próprio Paracetamol é encontrado com formulações variadas na forma de comprimidos, xarope e solução gotas podendo assim atender crianças e adultos.

Como usar esse medicamento – O Paracetamol na forma de xarope e solução gotas deve ser administrado conforme o peso do paciente e, por isso, é importante buscar pela recomendação de um médico responsável.

Já o Paracetamol na forma de comprimidos é recomendado apenas para crianças com mais de 12 anos de idade e adultos. Nesse caso a dosagem é assim distribuída:

  • Paracetamol 500 mg – a dosagem é de 1 a 3 comprimidos, 3 a 4 vezes ao dia,
  • Paracetamol 750 mg – a dosagem é de 1 comprimido, 3 a 5 vezes ao dia, mas sempre com a recomendação de um médico responsável.

Efeitos adversos desse medicamento – o uso desse medicamento pode apresentar os seguintes efeitos adversos:

  • Urticária,
  • Coceira e vermelhidão no corpo,
  • Reações alérgicas e aumento das transaminases que pode causar danos ao fígado.

Remédio Ciprofloxacino

Ciprofloxacino é uma das opções em remédio e antibiótico para intoxicação alimentar que os médicos poderão recomendar no tratamento dessa doença. Trata-se de um medicamento com ação bactericida de amplo espectro capaz de bloquear o metabolismo das bactérias levando-as a morte.

O medicamento é indicado no tratamento de variadas condições com infecções no organismo, inclusive quando ocorre uma infecção mais generalizada.

Substância ativa nesse medicamento – cada comprimido contém 250 mg, 500 mg ou 1000 mg de Ciprofloxacino.

Como usar esse medicamento –  por se tratar de um antibiótico, o tratamento com o Ciprofloxacino deve ser exclusivo orientado pelo médico responsável que antes deverá fazer uma avaliação do quadro clínico do paciente.

Efeitos adversos desse medicamento – entre os efeitos adversos que esse medicamento pode apresentar estão:

  • Náuseas,
  • Vômito,
  • Diarreia,
  • Urticária na pele,
  • Dor abdominal,
  • Sensação de cansaço e fraqueza,
  • Dores nas articulações,
  • Dor de cabeça,
  • entre outros efeitos indesejáveis.

Remédio Floratil para flora Intestinal

Floratil é um medicamento recomendado para restaurar a flora intestinal e ajudar no combate à diarreia, um dos sintomas causados pela intoxicação alimentar. O medicamento é encontrado na forma de pó para uso pediátrico ou na forma de cápsulas para os adultos.

Substância ativa nesse medicamento

  • Floratil pediátrico – cada grama do pó contém  200 mg de Saccharomyces Boulardii – 17 liofilizado
  • Floratil cápsulas – cada cápsula contém 100 mg ou 200 mg de Saccharomyces Boulardii.

Como usar esse medicamento 

  • Floratil pediátrico – para alterações agudas na flora intestinal a recomendação é de 1 envelope de Floratil, 2 vezes ao dia. Em caso de uma alteração crônica a recomendação é de 1 envelope do medicamento ao dia.

Floratil cápsulas 100 mg para adultos

  • Alterações agudas da flora intestinal – é recomendado 2 cápsulas do medicamento, 2 vezes ao dia,
  • Alterações crônicas da flora intestinal – recomenda-se 1 cápsula, 2 vezes ao dia.

Floratil cápsulas 200 mg

  • Alterações agudas da flora intestinal – a recomendação é de 1 cápsula do medicamento, 2 vezes ao dia,
  • Alterações crônicas da flora intestinal – a recomendação é de 1 cápsula por dia.

Avalie este conteúdo!

Avaliação média: 4
Total de Votos: 1

Remédio e Antibiótico para Intoxicação Alimentar, Tratamento



Leia também: