Infecção Urinária em Gestante ( na gravidez ), Tratamentos indicados

 

Infecções urinárias são doenças que podem acontecer especialmente nas mulheres e mais ainda nas mulheres grávidas.

Sobretudo pelas mudanças hormonais na gravidez e pelas dificuldades de higienização no meato urinário e vagina essas infecções são facilitadas. Portanto, além dos riscos naturais na mulher, precisamos lembrar que a barriga cresce e dificulta essa higienização.

Essa é uma complicação de saúde que preocupa especialmente nesse período em que o próprio feto corre perigo. Por isso, vamos tecer alguns comentários sobre a infecção urinária na gestante.

Ademais, queremos aproveitar a ocasião para falar de alguns medicamentos recomendados para o tratamento.

O que é a Cistite

 

Cistite é uma inflamação na bexiga provocada pela bactéria Escherichia Coli muito frequente nas mulheres. No entanto, ela é ainda mais frequente nas mulheres  sexualmente ativas e depois que entram na Menopausa.

Sem dúvidas, isso acontece sobretudo devido a formação anatômica do corpo da mulher. A bactéria Escherichia Coli habita a região anal, portanto, favorece a infecção na mulher devido a proximidade da uretra.

Segundo algumas estimativas, pelo menos 60% das mulheres adultas irão sofrer pelo menos 1 vez na vida com as complicações de uma inflamação na bexiga.

A fim de esclarecer melhor, nos homens com mais de 50 anos, o crescimento da próstata poderá causar a Cistite. Visto que essa condição provoca a retenção da urina, a inflamação na bexiga torna-se possível.

 

infeccao urinaria em gestante 490x265 Infecção Urinária em Gestante ( na gravidez ), Tratamentos indicados

Como evitar a Infecção na gravidez

Alguns cuidados da gestante são importantes para evitar a infecção, veja abaixo:

  • Evite segurar a urina quando estiver com vontade de urinar,
  • Após uma relação sexual, lembre-se de urinar,
  • No momento de ir ao banheiro, use o papel higiênico no sentido de frente para traz.
  • Lembre-se de fazer a higiene íntima todos os dias e também após as relações sexuais. Para isso, use sabonete suave e sem perfume.
  • Beber bastante água no intervalo das refeições com toda a certeza também é importante. No entanto, também é importante lembrar que a água não deve ser ingerida junto com as refeições.

Sintomas na Bexiga

 

Entre os sintomas que acontecem como resultado de uma infecção na bexiga podemos citar:

  • Ardência no momento de urinar,
  • Dificuldades para conter a urina e urgência para ir ao banheiro,
  • Vontade constante de urinar, mesmo estando com a bexiga vazia,
  • Presença de sangue na urina,
  • Sensação de barriga pesada ou estufada,
  • Eventualmente pode ocorrer febre de baixa intensidade e dor lombar, (mesmo sintoma para a Pielonefrite).

Pielonefrite em Grávidas

 

A Pielonefrite é uma infecção urinária que acontece nos rins, geralmente acontecendo devido a um tratamento mau feito de uma infecção na bexiga. Nesse caso, a Cistite mal tratada, se desenvolve e também alcança os rins.

Esse tipo de infecção é também muito comum nas mulheres, mais ainda quando se trata das mulheres grávidas, pelos mesmos motivos que causam a Cistite.

Geralmente essas infecções são causadas por uma bactérica conhecida como Escherichia Coli.

Além dos sintomas característicos da Cistite, a Pielonefrite apresenta outros sintomas, tais como:

  • Diarreia,
  • Náuseas,
  • Vômitos,

Além disso, quando não é tratada com certa urgência, a infecção pode evoluir com riscos de provocar a Hipertensão e até mesmo os quadros de Anemia, complicações que para uma mulher grávida pode ser muito perigosas.

Possíveis riscos para o bebê

A preocupação da gestante com o propósito de se proteger contra a infecção urinária tem fundamento. Na verdade, se ela acontecer e não for tratada adequadamente, existem sérios riscos ao feto, tais como:

  • Riscos de um parto prematuro, o que pode comprometer tanto a mulher como o feto, com risco de vida.
  • Diminuição do crescimento intra-uterino,
  • Baixo peso da criança ao nascer,
  • Riscos de pneumonia na criança,
  • Riscos de asma na infância,
  • Riscos de aborto espontâneo.

Além disso, quando a infecção urinária no período de gestação não é tratada de forma correta, existe o risco de morte do bebê ao nascer. Então, como segurança, é necessário que a gestante fique atenta aos sintomas da infecção urinária.

Portanto, sabendo dos riscos dessa infecção na gestação, se ela acontecer, busque pela orientação médica para o tratamento adequado.

 

Antibióticos permitidos para Gestantes

Existem alguns mitos sobre os antibióticos. No entanto, assim como acontece com outros medicamentos, o perigo desses medicamentos, é, de fato, o uso indiscriminado.

Portanto, o uso de antibióticos para tratar a Cistite ou mesmo a Pielonefrite durante a gestação só deve acontecer mediante uma orientação consciente do médico responsável ao atender a gestante.

Com toda a certeza, os antibióticos não devem ser usados aleatoriamente, imaginem então os cuidados que uma mulher gestante precisará tomar! Nem todos os tipos de antibióticos são permitidos para uma gestante, pois existem vários riscos para o feto.

Entretanto, mesmo sabendo que existe a possibilidade de uma gestante fazer uso de medicamentos antibióticos, é preciso ser consciente.

Os medicamentos antibióticos são classificados por categorias de acordo com os riscos que oferecem. Com o intuito de garantir a segurança do paciente, essa classificação vai de A a D.

Além disso, tem os antibióticos de categoria X que não devem ser usados na gravidez.

Vejamos então a lista desses antibióticos e os riscos que oferecem na gravidez:

  • Amicacina – categoria D,
  • Amoxicilina – categoria B,
  • Amoxicilina + Ácido Clavulânico – categoria B,
  • Azitromicina – categoria B,
  • Cefalotina – categoria B,
  • Cefazolina – categoria B,
  • Cefuroxima – categoria B,
  • Ceftriaxona – categoria B,
  • Ciprofloxacino – categoria C,
  • Claritromicina – categoria C,
  • Clindamicina – categoria B.

Sem dúvida, a lista de antibióticos não para por ai, ainda existem outros a disposição no mercado. Por isso, sabendo dos riscos que eles podem apresentar, busque pela orientação de seu médico que ele saberá orientar.

Esclarecendo melhor…

Com respeito a classificação dos antibióticos de acordo com a categoria de riscos, esses medicamentos não existem dentro da categoria A. Por isso, podemos deduzir que, por mais aconselhável que eles sejam, os riscos na gravidez, não deixarão de existir.

Além disso, os antibióticos recomendados durante o período de gravidez, são os de categoria B. A princípio, não se espera que esses medicamentos provoquem danos ao feto, desde que sejam administrados corretamente.

Fosfomicina 3 g dose Única

 

Fosfomicina é uma das opções entre os antibióticos para infecção urinária em gestante, desde que seja devidamente recomendado pelo médico.

Esse medicamento é bastante recomendado nos tratamentos para Cistite aguda ou recorrente, Uretrite, Bacteriúria assintomática na gravidez, entre outras situações.

Fosfomicina 3 g 490x506 Infecção Urinária em Gestante ( na gravidez ), Tratamentos indicados

Substância ativa nesse medicamento – Fosfomicina Trometamol.

Como usar esse medicamento – em geral, a recomendação médica é de 1 envelope de 3 mg diluído em meio copo de água. A ingestão em dose única desse medicamento deve ser feita preferencialmente à noite antes de ir para a cama já com o estômago vazio.

Efeitos adversos desse medicamento – entre os efeitos adversos que esse medicamento pode apresentar estão:

  • Náuseas,
  • Enjoos,
  • Dor no estômago,
  • Diarreia,
  • Reações alérgicas na pele como coceira e vermelhidão.

Contra-indicações – esse medicamento é contra-indicado nas seguintes situações:

  • Para pessoas com sensibilidade à fórmula desse medicamento,
  • Pessoas com Diabetes, somente se o médico autorizar.

Valor desse medicamento – a embalagem com 3 gramas de Fosfomicina dose única tem um valor aproximado de R$ 42,00 reais.

Amoxicilina 500 mg comprimido

 

Amoxicilina é mais uma opção entre os medicamentos para infeção urinária em gestante.

Trata-se de um remédio antibiótico penicilinicos indicado para combater as bactérias sensíveis a Amoxicilina que podem ser responsáveis pelas infecções diversas.

amoxicilina 500 mg 490x384 Infecção Urinária em Gestante ( na gravidez ), Tratamentos indicados

Substância ativa nesse medicamento – cada cápsula contém 500 mg de Amoxicilina Triidratada.

Como usar esse medicamento – o uso desse medicamento por mulheres grávidas pode ser usado desde que o médico o recomende. Certamente que deverão ser feitos alguns exames para saber das possibilidades para que o tratamento seja administrado com segurança.

Só o médico poderá indicar a dose correta para cada situação clínica de seu paciente.

Efeitos adversos – como todo medicamento antibiótico, a Amoxicilina também pode apresentar alguns efeitos adversos, tais como:

  • Reações alérgicas na pele como coceira, urticária e prurido,
  • Diarreia,
  • Náuseas.

Contra-indicações – esse medicamento é contra-indicado nas seguintes situações:

  • Para pessoas alérgicas à Amoxicilina,
  • Para pessoas alérgicas a antibióticos penicilinicos ou similares.

Valor desse medicamento – a embalagem com 30 cápsulas de Amoxicilina 500 mg tem um valor aproximado de R$ 51,00 reais.

Cefalexina 500 mg Comprimido

 

Outro medicamento bastante recomendado para complicações infecciosas, a Cefalexina 500 mg age diretamente como inibidora sobre as bactérias sensíveis à sua fórmula.

rem%C3%A9dio cefalexina para infec%C3%A7%C3%A3o urin%C3%A1ria 490x327 Infecção Urinária em Gestante ( na gravidez ), Tratamentos indicados

Além da Cistite, esse medicamento é muito eficaz para vários outros tratamentos de doenças infecciosas.

Substância ativa nesse medicamento – cada comprimido revestido contém 500 mg de Cefalexina.

Como usar esse medicamento – em geral a recomendação para tratar da Cistite é de 1 comprimido de 500 mg de Cefalexina a cada 12 horas por um período máximo de 14 dias.

Porém, em se tratando de mulheres grávidas, é imprescindível a recomendação médica para tratamentos com esse medicamento.

Valor desse medicamento – a embalagem com 10 comprimidos de Cefalexina 500 mg tem um valor aproximado de R$ 21,00 reais.

Ampicilina suspensão oral

Ampicilina suspensão oral é mais uma opção entre os antibióticos para tratar de infecção urinária em gestantes. No entanto, como segurança, é imprescindível a recomendação do ginecologista responsável.

Esse medicamento também é indicado para tratar de outras infecções localizadas ou sistemáticas provocadas por micro-organismos sensíveis ao medicamento.

Substância ativa nesse medicamento – cada 5 ml de suspensão oral contém 250 mg de Ampicilina.

Como usar o medicamento – por se tratar de um antibiótico, somente o médico responsável pode recomendar esse medicamento. Logo após a avaliação clínica da gestante, o tratamento poderá ser recomendado, sem riscos.

Efeitos adversos desse medicamento – o uso desse medicamento pode apresentar alguns efeitos adversos, tais como:

  • Vermelhidão na pele,
  • Urticária,
  • Coceira,
  • Náuseas,
  • Vômitos,
  • Diarreia.

Contra-indicações – esse medicamento é contra-indicado para pacientes com sensibilidade à sua fórmula. Além disso, o tratamento com esse medicamento não pode ser interrompido sem a recomendação médica.

Esse medicamento também é contra-indicado para mulheres no período de amamentação.

Valor desse medicamento – a embalagem com 150 ml de Ampicilina suspensão oral tem um valor aproximado de R$ 51,00 reais.

Zinnat comprimidos

Zinnat comprimidos é um medicamento que contém em sua fórmula um antibiótico de categoria B. Por isso, também poderá ser recomendado para tratar da infecção urinária na gravidez.

Substância ativa nesse medicamento – cada comprimido de Zinnat contém 250 mg ou 500 mg de Axetilcefuroxima.

Como usar esse medicamento – por se tratar de um antibiótico, somente o médico responsável poderá recomendar o medicamento. Após avaliar o quadro clinico da gestante, o melhor tratamento será recomendado com maior segurança.

Nota – ao ingerir esse medicamento após as refeições, por certo os efeitos são melhores. Além disso, os comprimidos não devem ser mastigados ou partidos.

Efeitos adversos desse medicamento – em geral, o uso desse medicamento não costuma apresentar efeitos adversos que preocupem. No entanto, se o tratamento for mais prolongado, podem surgir algumas complicações, tais como:

  • Infecções fúngicas provocadas por fungos resistentes ao medicamento,
  • Dor de cabeça,
  • Tonturas,
  • Enjoos,
  • Diarreia,
  • Dores abdominais,
  • Alterações nos resultados de exames de sangue, tais como: aumento dos glóbulos brancos e aumento de algumas enzimas produzidas pelo fígado.
  • entre outros efeitos, porém, mais raros.

Contra-indicações – esse medicamento é contra-indicado para pacientes com sensibilidade à sua fórmula.

Além disso, quando administrado de forma correta e sempre com a supervisão de um médico responsável, não existem outras contra-indicações.

Valor desse medicamento – o valor desse medicamento varia bastante de uma farmácia para outra. Além disso, esse valor pode variar de acordo com a formulação do medicamento.

Leia também:
Remédio Antibiótico para INFECÇÃO URINÁRIA, quais são…

Pomada para Piodermite em Crianças e Adultos, Tratamento

Remédio para Foliculite no Couro Cabeludo, Tratamento

Antibiótico para Infecção Urinária em Bebê e Criança pequena

Pomada para Queimadura de Fogão, Moto e outros Acidentes