Escleroterapia para Varicoses e Varizes na coxa e Perna

Provocadas por causas bem variadas, as varicoses e também  as varizes são muito comuns no ser humano, independente do gênero, especialmente a partir dos 30 anos. Porém, são ainda mais comuns  nas mulheres.

Trazendo, muitas vezes a dor e o desconforto, muitos constrangimentos, além de riscos e complicações, especialmente as varizes, precisam ser tratadas  assim que se manifestam.  E a Escleroterapia para varicoses e varizes por vezes pode ser necessária, tanto pela questão de estética como pela autoestima e bem estar.

Portanto, é exatamente sobre isso que vamos tecer alguns  comentários hoje, com o objetivo de deixar você leitor(a) mais informado(a). Ao mesmo tempo em que poderá se cuidar mais, e correr para o tratamento antes de maiores complicações.

Varicoses e Varizes

 

No corpo humano existem as artérias que levam o sangue que é bombeado pelo coração para todas as partes do corpo. Sobre as veias no corpo, essas tem a função de levar o sangue já repleto de toxinas, de volta para o coração.

Acontece que para esse retorno, a pressão sanguínea pelas veias é bem menor.  Em contrapartida,  a circulação vai depender da ajuda dos músculos da Panturrilha. Uma vez que o retorno para o coração vai ter a ação anti-gravitacional.

As veias nas pernas apresentam uma espécie de válvulas com a função de evitar que o sangue volte para os pés. E quando essas válvulas, por algum motivo não funcionarem corretamente, ocorrem as varicoses que são microvarizes.

Mas também as varizes, que é um problema mais complicado, chegando a causar as deformações nas pernas e até mesmo, nos pés.

O que é Escleroterapia

Denomina-se Escleroterapia também conhecida como “Aplicação para varizes” o tratamento para eliminar ou diminuir veias, ou seja, os vasinhos na pele ou varizes. considerado um tratamento estético, também pode ser usado para tratar de outras doenças.

O tratamento é feito por um médico Angiologista e em geral, é feito com uma injeção de medicamento que é aplicada diretamente na variz que precisa ser tratada.

Após o tratamento, a veia que resultou em uma variz tende a desaparecer em alguns dias. Esse tipo de tratamento também pode ser  usado nos tratamentos para hemorroidas.

No entanto, é importante deixar claro de que a escleroterapia, também poderá ser feita através da aplicação ou injeção de outros elementos. Entre eles a espuma, termocoagulador ou laser além do líquido que podem ser usados como esclerosantes.

Ao ser aplicado, o esclerosante irá provocar uma alteração nas células dos vasos, causando o fechamento dos mesmos.

Especificamente, no caso do laser, o que acontece é que através de uma onda de claro, os vasos são fechados.

 

Como é realizada a Escleroterapia

 

O tratamento é possível, sem a necessidade cirúrgica. E através dos esclerosantes é possível o fechamentos dos vasos. Entre eles laser, espuma, glicose entre outros.

É importante ressaltar que não existe problemas em fechar esses vasos. Uma vez que quando estão doentes, não são usados para a circulação, pois o sangue busca pelas mais saudáveis.

Com a obstrução dos vasinhos, certamente, a aparência das pernas irá melhorar.

 

Tipos de tratamentos

 

Existem vários tipos de tratamentos, e aqui citamos alguns deles, veja:

Tratamento com espuma – Essa é uma alternativa para tratar as varizes sem a necessidade de cirurgia. Este é um tratamento indicado para casos de alto risco, e para quem quiser optar por este procedimento.

O objetivo é evitar a cirurgia, no entanto, em até 16% dos casos poderá precisar mesmo assim da cirurgia.

Este é um procedimento que poderá  causar alguns efeitos adversos. Entre eles  trombose, embolia pulmonar, flebites, manchas escuras na pele e feridas. Porém as mais graves podem chegar a 1% dos casos.

Tratamento com glicose – Este é um tratamento onde a solução hipertetônica de glicose é introduzida a 50 ou 75% na variz.

Por ser um produto natural, a glicose é facilmente absorvida pelo organismo. Porém não deve ser adotada por diabéticos, uma vez que é diretamente injetada na corrente sanguínea.

Tratamento com mini-incisões – este é um método tradicional, mas que em poucos dias já libera o paciente.

Tratamento com radiofrequência – parecido ao do laser, mas com possibilidades de danos maiores em termos térmicos.

Tratamento a laser – Bastante tolerado, este é um tratamento que se mostra mais eficiente em pessoas de pele clara. Já em pessoas de pele mais escura, existe maior chance de manchar a pele.  O tratamento a laser não causar dor, nem sangramento ou arroxeados.

Nota: – A escleroterapia é bastante eficaz, mas não deverá ser feita em casos onde os vasinhos estão conectados as varicoses, pelas quais são mantidas.

Em casos como estes, o cirurgião plástico deverá fazer microcirurgias para resolver a situação.

Enfim, existem muitos procedimentos que podem ser feitos no combate das varizes e varicoses, mas a indicação deve ser específica para cada caso. Além de que deverá ficar atento as contraindicações.

Quais os Benefícios

 

Entre os benefícios que esse tipo de tratamento pode apresentar, podemos mencionar:

  • Por conta desse tratamento, não é necessário o uso de medicamentos que apresentam seus efeitos colaterais,
  • Não existe a necessidade de recorrer a uma cirurgia convencional de varizes que apresenta seus riscos e constrangimentos para o paciente que precisa guardar repouso depois da cirurgia,
  • O tratamento apresenta poucos riscos de complicação e, além disso, não necessita de um repouso mais prolongado,
  • No caso de um tratamento com espuma, esse tem um custo mais baixo e pode ser feito em um consultório sem a necessidade de anestesia,
  • entre outros benefícios.

Felizmente, hoje em dia, a maior partes desses tratamentos podem ser feitos pelo SUS. Especialmente em casos mais graves quando as varizes causam muita dor, inchaço ou mesmo trombose.

Quando o Tratamento é Indicado

 

O tratamento de Escleroterapia para varicoses e varizes em geral. É indicado em praticamente todos os casos, sejam para as varicoses mais simples como para varizes mais complicadas.

Porém, trata-se de um método invasivo. E por isso, deve-se optar pelo tratamento apenas quando outros métodos como no caso das meias elásticas não derem resultado. 

Para maior segurança, esses tratamentos não são recomendados para pessoas com sobrepeso. Uma vez que pode dificultar a cicatrização e ainda surgirem outras varicoses para continuar o problema.

Após algumas aplicações o resultados já podem ser visíveis

Quantas sessões de Escleroterapia precisam ser feitas

 

O número de sessões de Escleroterapia vai depender do quadro clínico de cada paciente. Em algumas situações, uma sessão pode bastar. Mas para situações mais agravantes com varizes mais grossas, poderá ser necessário um número bem maior de sessões.

Também dependerá do tipo de tratamento que será adotado.

 

O tratamento de varizes nas pernas é doloroso?

 

Apesar de o tratamento não proporcionar assim tanta dor, e esta geralmente é pequena ou nula, pode ser usado a termoanestesia. Esta faz com que a temperatura da pele diminua, e consequentemente diminui a sensibilidade à dor.

A termoanestesia é aplicada através de um jato de ar gelado.

 

Tempo de recuperação

 

Por não ser um tratamento tão complicado, após as sessões, a vida continua normal, podendo atuar no trabalho normalmente.

No entanto, é muito importante que sejam seguidas categoricamente as orientações do especialista. Pois estas poderão variar de acordo com a técnica e o calibre das veias que estão sendo tratadas.

Entre as orientações do médico, geralmente serão determinados o tempo de abstenção da exposição ao sol, o tempo de repouso, uso de meias elásticas, cremes ou pomadas entre outros.

 

Pode acontecer reincidência?

 

Infelizmente sim, uma vez que é tratado a consequência. Só não voltará, em casos onde a causa e a consequência conseguem ser trabalhadas juntas.

Então, pode acontece de voltar entre 1 a 3 anos após o procedimento. Especialmente em casos genéticos, que são os que não tem cura. Porém com tratamento da insuficiência venosa, estas mesmo que voltem, terão um maior espaço de tempo.

 

Efeitos colaterais

 

Existem aqueles que são esperados, e portanto considerados normais. E aqueles que não são esperados, e portanto são anormais.

Efeitos esperados – coceira leve por até 24 horas após, ardência e pequenos hematomas que permanecem por até 15 dias, podendo variar.

Efeitos inesperados ou indesejáveis – Alergias, coágulos nos pequenos vasos, sendo que estes deverão ser puncionados. e ainda apesar de rasas, poderão surgir hiperpigmentações no local, e ulcerações que também são raras.

Quem faz o tratamento e o preço

 

Os tratamentos de Escleroterapia para varicoses e varizes envolvem escolhas de substâncias. Escolha a melhor técnica para o tratamento e busque conhecimentos anatômicos.  Entre outras responsabilidades que apenas um médico Angiologista ou um Cirurgião Vascular está de fato ser habilitado a realizar o procedimento.

Apesar de parecer um tratamento sem muitos riscos, existe sim possibilidades de haver complicações. E, nesse caso, se for feito por um profissional capacitado, certamente ele saberá oferecer soluções adequadas. O mesmo não acontecendo se o profissional for inexperiente.

Valor de uma sessão de Escleroterapia – os valores para o tratamento com Escleroterapia pode variar conforme a clínica que irá fazer o tratamento. Ou mesmo a região onde ela é feita.

Mas para se ter noção desse tratamento que não é barato, uma sessão desse tratamento pode variar de R$ 350,00 reais a R$ 800,00 reais. Mas como já adiantamos, existe a possibilidade de se conseguir esse tratamento pelo Sistema Único de Saúde. Desde que se tenha a paciência para enfrentar uma fila de espera.

 

Fique esperta

 

Existem alguns cuidados que são essenciais para que os resultados possam ser positivos. E queremos compartilhar como você:

  • Não tome banho de sol, ou não se exponha até que a cicatrização seja completa – isso leva de 15 à 45 dias;
  • Se for ao sol, que seja por pouco tempo e com o uso de protetor ou filtro solar com bom fator de proteção;
  • Após 24 horas do procedimento, já estará liberada para algumas atividades. entre elas as massagens, depilação e atividades físicas;
  • As meias elásticas deverão ser prescritas ou já aplicadas pelo médico logo após cada sessão. Estas, normalmente são usadas por até 6 horas, mas não há a necessidade de dormir com elas.

Bom, você aqui tem muitas informações sobre Escleroterapia para Varicoses e Varizes. Vale atentar a cada uma delas. Mas o mais importante mesmo, é conversar com um médico de confiança, e antes de fazer o procedimento, conseguir todas as informações possíveis.

Somente assim, você poderá fazer o procedimento mais adequado para o seu caso, e com toda a segurança da qual precisa e merece.