O bebê não Dorme a Noite, Como Ensinar hábitos Corretos

Os bons hábitos de saúde para o bebê começam ainda durante o período de gestação, inclusive o assunto que diz respeito às horas de sono. Por isso, é importante que a mãe cultive os melhores hábitos, seja com respeito à alimentação, atividades físicas e descanso.

Infelizmente, a maioria dos pais sofrem com seus bebês nos primeiros meses de vida, quando estes trocam a noite pelo dia, um problema que na grande maioria das situações está diretamente relacionado à falta dos cuidados necessários no período de gestação.

Portanto, se o bebê não dorme a noite, temos aqui alguns comentários que serão úteis para resolver esse problema.

Como é o sono Saudável?

Para que o bebê tenha um sono saudável é preciso que ele se habitue às horas de sono. Mas para que tudo aconteça de maneira correta, ele deve aprender ainda no ventre da mãe, daí a importância das horas de sono da gestante, pois a criança vai refletir em vida o que aprendeu antes de nascer.

Em geral, uma criança saudável dorme até 20 horas no primeiro mês de vida, o que é muito natural, mas não é difícil encontrarmos aqueles bebês que acordam de hora em hora, por vezes, apenas para mamar para depois voltarem a dormir novamente.

Com o passar do tempo, as horas de sono diminuem e em todo o tempo, é importante atentar para as atitudes do bebê, pois se algo está errado, certamente ele vai reclamar com choro ou a dificuldade para dormir.

Na medida em que vão aprendendo a diferenciar as horas do dia das horas da noite, passarão a dormir mais tempo à noite enquanto que durante o dia, geralmente o tempo de sono é de 1,5 horas na parte da manhã e mais 1,5 horas na parte da tarde.

Com seis meses de idade, o bebê pode dormir até 14 horas por dia, mas ao completar 1 ano de vida, esse tempo já diminui para 12 horas por dia, sempre com maior tempo de sono durante à noite.

Porque o Bebê trocou a noite pelo dia?

Já adiantamos de que a gestante precisa ter alguns cuidados especiais durante o tempo de gestação, pois a falta deles pode repercutir negativamente na vida da criança que está em seu ventre. Entre esses cuidados, estão as horas de sono da mãe durante a noite.

O fato de uma gestante dormir pouco durante o período da noite influencia diretamente nas horas de sono do bebê que muito provavelmente poderá trocar a noite pelo dia para as horas de sono, especialmente nos primeiros 3 meses de vida.

Depois desse período, a criança começa a produzir Melatonina (hormônio do sono) por sua própria conta e então passa a regularizar as horas de sono durante a noite.

Outros fatores que podem contribuir:

  • Contribuição dos pais – se os pais ou outras pessoas da família não contribuírem para que o bebê vá dormir cedo à noite, certamente ele vai ter dificuldades para isso.
  • Por isso, se for necessário ficar acordado até mais tarde, o bebê precisa ser incentivado a ir dormir na hora certa sempre, quando também o barulho e a luminosidade deve ficar longe da criança.
  • Evitar estimular o bebê – a hora que a criança precisa brincar é de dia não à noite quando ela precisa ir para a cama. Quando chega a noite, dê atenção para a criança, mas sem estímulos para não espantar o sono.
  • Mudar  o ritmo – quando a criança dorme muito durante o dia, procure inverter a situação fazendo com que ela durma menos e brinque mais. Dessa forma, ao chegar a noite, ela vai sentir-se mais cansada e certamente vai conciliar o sono rapidamente.
  • Evite os mimos – durante o sono da noite, se o bebê acordar e não chorar, deixe-o quietinho, pois muito provavelmente voltará a dormir novamente sem a necessidade de atenção se acaso não for o momento de amamentar.
  • Não acorde o bebê para amamentá-lo – se o bebê acorda com fome, certamente ele vai reclamar. Se não for assim, deixe-o dormir a vontade.

O que Fazer Durante o dia?

Para evitar que o bebê durma demais nas horas do dia, incentive-o para algum tipo de brincadeira. O importante é distraí-lo com alguma coisa para se manter animado.

Quanto menos o bebê dormir durante o dia, melhor ele irá dormir à noite.

Preparativos para ir dormir a noite

Em geral os preparativos para o bebê ir dormir a noite seguem uma sequencia fácil de ser seguida banho, alimentação, lugar tranquilo sem barulho e um pouquinho de chamego para a criança sentir-se segura, porém, nada de estímulos.

Se o bebê passou a maior parte do dia acordada e agora já está de banho tomado e alimentada, basta alguns minutos para que ela comece a sentir vontade de ir para a cama. Nessa hora, com muito jeito os pais devem levá-la para a cama e quem sabe com uma cantiga de ninar e nenhum outro barulho, logo ela vai dormir.

Calmantes naturais para dar a noite

Chá de Camomila é uma das ótimas opções em calmante não apenas para as crianças, mas também para os adultos.

Outra opção em calmante se o bebê não dorme a noite é o chá de Poejo que deve ser oferecido para o bebê alguns minutos antes da hora de ir dormir.

Melamil Gotas

Melamil gotas é um medicamento recomendado para bebês e crianças que apresentam alguma dificuldade para dormir à noite.

Substância ativa nesse medicamento – cada 100 ml de Melamil gotas contém:

  • 600 mg de Melatonina,
  • 70 gramas de Hidratos de Carbono,
  • 70 gramas de Açucares.

Como usar esse medicamento – a recomendação médica é de 4 gotas de Melamil, 30 minutos antes da hora de ir dormir.

Valor desse medicamento – a embalagem com 30 ml de Melamil tem um valor aproximado de R$ 70,00 reais.

Floral para bebê Nervoso

Apesar de não substituir a necessidade de um medicamento para dormir, os florais também contribuem para as melhores horas de sono. Entre as opções encontradas no mercado está o Bio Floral Baby Bebê Nervoso.

Composição – esse floral contém Ácido Ascórbico, Benzoato de Sódio, Flavorizante, Sorbitol e água.

Como usar esse floral – pingar 1 gota de floral embaixo da língua do bebê até 3 vezes ao dia sempre misturado com um pouco de água, leite ou suco natural.

Valor desse floral – a embalagem com 37 ml desse floral tem um valor aproximado de R$ 26,00 reais.